Buscar

Impressão de crânio em 3D



Uma notícia repleta de otimismo: com um molde criado por um engenheiro, um cachorro com tumor cerebral ganhou uma nova chance de vida por meio de um crânio impresso em impressora 3D.

Sim, foi essa a história de Patches, um cão da raça Daschund (ou o famoso "salsicha") que, aos nove anos de idade, foi diagnosticado com um osteocondrossarcoma multilobular. A doença era tão grave que o tumor esmagava parte do cérebro e afetava a órbita ocular do cão. Desesperada, a família procurou a doutora Michelle Oblak, uma veterinária cirúrgica especialista em oncologia da Universidade de Guelph, no Canadá. Após muitos estudos, a equipe conseguiu mapear com precisão as dimensões para a impressão do novo crânio, incluindo os locais onde seriam colocados os parafusos e as placas. Agora, Patches está livre do câncer.

Mas e em humanos, será possível fazer isso?

Vale lembrar que a medicina já utiliza a impressão 3D em humanos para reconstrução de maxilares e vértebras e modelos 3D também foram usados ​​para planejar cirurgias de grande porte. Quem sabe o próximo passo seja para crânios também.





© 2020 Overall Agency